25.12.12

 

Vivo numa cidade, inserida num país…

Supostamente, pertenço a uma sociedade… supostamente não!… Pertenço sim a uma sociedade!

Pertenço mas não me identifico… Pertenço mas ninguém me diz nada… Pertenço mas considero-me perdido todos os dias…

A solidão também pertence a esta sociedade que, de sociedade propriamente dita, não tem nada… SOCIEDADE implicaria comunicação, implicaria convivência, estar, socializar…

Numa cama em uma casa, sozinho, aguardo a chegada de alguém que aparece por dois minutos para me trazer a comida do dia…

“Bom dia, como está? Que dia é hoje?” – e mais uma vez fico entregue a mim mesmo… aos meus pensamentos e à minha cama…

Peso na sociedade, isso sim eu sou…

E cidadania? Onde? Onde está essa senhora que me abandonou à minha sorte, à minha solidão?

 

Ana Lua

Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 20:00  Comentar

Luanda | Angola

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Equipa

>Alexandra Vaz

>Ana Martins

>Cidália Carvalho

>Ermelinda Macedo

>Fernando Couto

>Jorge Saraiva

>José Azevedo

>Leticia Silva

>Maria João Enes

>Rui Duarte

>Sandra Pinto

>Sandra Sousa

>Sara Almeida

>Sara Silva

>Sónia Abrantes

>Teresa Teixeira

Dezembro 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
15

16
17
19
20
22

23
24
26
27
29

30
31


Arquivo
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
O tempo, a arbitrariedade da vida e as fragilidade...
Obrigado SAPO.AO!!
E claro que é no "Cenas na net" mas este na homepa...
Torna-se 'repetitivo', mas no bom sentido que faze...
Presenças
Outras ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: