De Conceição a 29 de Abril de 2010 às 11:15
Peço desculpa mas, acho que a morte não é o que mais interessa. É algo a que ninguém pode fugir, é verdade, mas não será por isso que temos que pensar constantemente nela. Devemos sim é pensar no momento presente. No que temos , no que podemos ter ou fazer.Conclusão, aproveitar bem a nossa tão curta e fugaz passagem por esta vida.

De ninguém a 27 de Abril de 2010 às 13:50
a morte é o que mais interessa-
quem não reflecte sobre o único evento certo ou é louco ou vive em fuga.
morrer por suas pp mãos é o acto mais livre que um ser humano pode ter...
"não me venham com conclusões. a única conclusão é morrer!"

são escolhas !!!